Alckmin anuncia privatizações

19/11/2015

Transportes

O governador Geraldo Alckmin (PSDB) anunciou na manhã desta quinta-feira, 19, um programa de concessões à iniciativa privada que inclui cinco aeroportos executivos, linhas de ônibus intermunicipais por todo o Estado, 14 rodovias e as Linhas 5-Lilás e 17-Ouro do Metrô.

A expectativa do governo é de que o setor privado realize investimentos, especialmente em ampliações de rodovias, que somados devem chegar a R$ 13,4 bilhões e gerar 280 mil empregos.

Os detalhes das concessões, como prazo de vigência e os tipos de contrapartidas esperadas do mercado, não foram divulgadas. Alckmin afirmou que ainda serão realizadas audiências públicas para definir cada modelo de operação.

Os editais das concessões serão publicados a partir de março, no caso dos e aeroportos, e vão até setembro, quando serão lançados os editais do Metrô.

Ao ser questionado sobre uma eventual falta de interesse dos empresários nesse pacote, por causa da crise econômica, o governador disse que “quem está investindo agora não está olhando o curto prazo. O Brasil certamente vai sair da crise”.

Já ao responder sobre os tipos de garantias jurídicas que seriam dadas aos parceiros, Alckmin declarou: “Aqui não tem ato de príncipe”.

O prefeito de São Paulo, Fernando Haddad (PT), adversário político do governador, suspendeu a inspeção veicular da capital, que era concedida à iniciativa privada.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.