Alckmin deveria orientar sua base a assinar pedido de CPI, disse líder do PT

15/07/2013

Corrupção tucana

O deputado Luiz Claudio Marcolino, líder da Bancada do PT na Assembleia Legislativa, disse que vai requerer informações junto aos órgãos federais responsáveis sobre as investigações do cartel nas licitações do metrô com o governo paulista, denunciado pela empresa Siemens.

Segundo a denúncia, as empresas colocavam preços até 20% superiores aos de mercado nas licitações de novas linhas do metrô.

Pedido de CPI

A relação de empresas, como a Siemens e a Alstom, nos supostos esquemas de pagamentos de propinas, como meio de garantia de contratos com o governo do Estado de São Paulo, já havia sido denunciada pelos deputados petistas em 2008.

A Bancada protocolou representação junto aos Ministério Público Estadual e apresentou pedido de CPI – Comissão Parlamentar de Inquérito – para investigar o caso, mas não conseguiu o número regimentar de assinaturas de deputados para protocolar o pedido na Assembleia Legislativa, devido ao boicote da base governista tucana.

“O governador Alckmin falou hoje (15/7) à imprensa que quer apuração rigorosa. Então, ele deveria orientar os deputados que compõem a sua base a assinar o pedido de CPI há tempos já proposto pelo PT”, enfatizou Luiz Claudio Marcolino.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.