Ato em Defesa do SUS na Assembleia

20/09/2016

Nenhum Direito a Menos

Crédito: Marina Moura

Deputado Carlos Neder participa de ato em Defesa do SUS

Defesa do SUS, repúdio à PEC 241/16 e mais respeito aos médicos cubanos foram algumas das reivindicações do ato. Secretário da Saúde Alexandre Padilha comparece ao evento.

Com a bandeira “O SUS é do Povo Brasileiro – Nenhum direito a menos”, mais um ato da Frente em Defesa do SUS foi realizado na manhã desta terça-feira, 20, na Assembleia, no Plenário Juscelino Kubitschek. O ato contou com representantes da Saúde nas esferas municipal, estadual e nacional e agregou uma pauta extra, o repúdio à PEC 241/16, medida do governo ilegítimo Temer, que pode congelar por 20 anos investimentos na saúde – além de outras pastas sociais.

Os presentes reivindicaram mais respeito aos médicos cubanos, afirmando que os profissionais ainda passam por preconceitos. Como exemplo, relembraram da infeliz entrevista que o ministro da Saúde Ricardo Barros concedeu durante visita a Ponta Grossa, Paraná, em junho: “Se tiver algum ponto em que médicos brasileiros não queiram ir, teremos lá um médico cubano. É melhor ter um médico cubano do que um farmacêutico ou uma benzedeira”, disse o ministro na ocasião, comentário visto com maus olhos pelos membros que compõem a Frente em Defesa do SUS.

Participaram do ato em defesa do SUS o deputado estadual Carlos Neder (PT), do Fórum Suprapartidário em Defesa do SUS e da Seguridade Social; o secretário de Comunicação do Sindicato dos Médicos de São Paulo e membro da Frente Parlamentar em Defesa do SUS, Gerson Salvador; Juliana Salles, da CUT; João Francisco Clouzet, do Conselho Nacional de Saúde; Neide Biscuola, do Conselho Estadual de Saúde. Representando o Conselho Municipal de Saúde estiveram presentes o secretário da Saúde, Alexandre Padilha, e a Coordenadora da Comissão Executiva, Maria Adenilda Mastelaro.

Eventos futuros

Estão previstos para acontecer mais dois relevantes eventos:

Dia Nacional de Mobilização contra a retirada de direitos trabalhistas

22 de setembro, com concentração marcada em frente ao Masp às 16h

Campanha Nacional de Multivacinação
Iniciou-se em 13/09 mas terá seu dia principal, chamado “Dia D”, em 24 de setembro.

Marina Moura

Leia mais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.