Audiência: presidente do Metrô com comerciantes e trabalhadores de Santo Amaro

02/06/2008 15:23:00

Metrô Santo Amaro

Crédito:

 

Comerciantes e trabalhadores da Galeria Borba Gato, Zonal Sul de São Paulo, darão mais um passo, nesta terça-feira, 3/6, às 10 horas, na Assembléia Legislativa, Auditório Franco Montoro, em sua reivindicação para mudar o local da construção da Estação Adolfo Pinheiros – Linha 5 do Metrô. Trata-se de uma requisição do deputado Enio Tatto (PT) para realização de uma Audiência Pública que será promovida pela Comissão de Transporte e Comunicação da Assembléia com a presença do presidente do Metrô, Sérgio Avelleda, além do diretor de Assuntos corporativos da Empresa, Renato Viegas. 

O método de construção escolhido pelo Metrô prevê a desapropriação de uma área com 141 imóveis onde funcionam estabelecimentos comerciais, segundo Regina Buttner, líder da Associação dos Lojistas da região as desapropriações trarão como conseqüência a demissão de 10 mil trabalhadores.  Regina pediu ao deputado Tatto “que o Legislativo seja intermediário na abertura de um canal com o governo do Estado. Pretendemos sensibilizar a nossa autoridade e apresentar a nossa alternativa”.

Os comerciantes já realizaram pelo menos quatro grandes manifestações, uma audiência Pública na Câmara Municipal de São Paulo e são assíduos nas reuniões da Comissão de Transporte da Assembléia. A maior crítica é a falta de diálogo entre o Metrô e os moradores da região onde ocorrerão as desapropriações.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.