Autoridades do Metrô serão questionadas em Audiência Pública

18/01/2007 17:50:00

Crédito:

Deputados durante visita ao desabamento

Sebastião Arcanjo – Tiãozinho (PT), presidente da Comissão de Serviços e Obras da Assembléia Legislativa de São Paulo, voltou ao local do acidente da Linha Amarela do Metrô, nesta quarta-feira, 18/1, conforme compromisso assumido por deputados estaduais petistas no dia de ontem. Acompanhado do secretário de Transportes Metropolitanos, José Luiz Portella, requereu ofício para que sejam encaminhados à Assembléia Legislativa de São Paulo todos os contratos com o Consórcio da Linha Amarela. Também pediu resposta ao ofício de dezembro de 2005 destinado a esta Secretaria, que trata dos acidentes ocorridos anteriormente, e convocou Portella e o presidente do Metrô, Luiz Carlos Frayze David, para uma Audiência Pública, em 23 de janeiro próximo.

“As autoridades precisam olhar de frente para a população, que cobra transparência. Houve mortes e prejuízos. Prestar esclarecimentos é uma obrigação do servidor público” afirmou o deputado Tiãozinho, que pretende trazer técnicos especializados e entidades da sociedade civil organizada para a Audiência Pública.

Decisão do governador é simples “manobra”

Enio Tatto, deputado líder do PT na Assembléia, não concorda com a decisão do governador José Serra de apenas suspender temporariamente o pagamento do Consórcio Linha Amarela. Segundo Tatto, “esta é uma decisão muito tímida; o correto é o embargo da obra, já que os fatos comprovam a falta de qualidade da construção”. Os deputados petistas querem a paralisação para investigar apuração e responsabilidades. Tatto afirmou que o desmoronamento não é um fato isolado; faz parte de uma cadeia de erros que se não forem corrigidos podem voltar a ocasionar tragédias como essa.

A bancada petista irá protocolar, nesta sexta-feira, 18/1, na Fazenda Pública, pedido de Liminar determinando o embargo imediato de toda a obra da Linha Amarela do Metrô.

– Click abaixo e faça o download do:

Ofício Audiência Pública _ Linha Amarela

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *