Bairros de SP têm falta de água, mas Sabesp nega racionamento

15/05/2014

Crise da água

Após relatos de falta de água em diversos bairros da zona norte de São Paulo, a zona oeste também começou a registrar interrupções no abastecimento.

Moradores e comerciantes da Lapa relatam problemas no fornecimento há cerca de três semanas. A Sabesp (Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo), no entanto, nega a ocorrência de racionamento ou rodízio de água.

Relatos de moradores a equipes de reportagens de vários veículos de comunicação comprovam que há um racionamento informal.

A companhia diz que, “por causa de manobras técnicas operacionais para a transferência de vazões dos Sistemas Guarapiranga e Alto Tietê para atendimento de alguns bairros, atualmente abastecidos pelo Sistema Cantareira, podem ocorrer eventuais momentos de desabastecimento, especialmente nos pontos altos”.
Nesta quinta-feira (15/5), o Sistema Cantareira registrou sua 25ª queda consecutiva e chegou a 8,2% da capacidade. No mesmo período do ano passado, o nível registrado era de 60,9%.

*com informações do R7

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.