Bancada do PT pede afastamento do secretário de Educação

02/12/2015

Improbidade

A Bancada do PT na Assembleia Legislativa protocolou nesta terça-feira (1/12) representação solicitando ao Ministério Público que tome providências para afastar do cargo o secretário estadual de Educação, Herman Voorwald.

Segundo os parlamentares petistas, o secretário cometeu improbidade administrativa na condução do que chamam de “desastre da reorganização da rede estadual de educação, de sua conceituação teórica enganosa, passando por sua divulgação simplória e sua desastrosa implantação”.

Os pedidos de reintegração de posse das escolas ocupadas, a inadequada convocação da Polícia Militar e a depreciação da Educação paulista, que foi reconhecida pelo próprio secretário em entrevista, também fundamentam a solicitação da Bancada.

O líder do PT, deputado Geraldo Cruz, afirma que esta não é a primeira vez que a ineficiência do secretário gera prejuízos ao erário e ao interesse públicos. “O Tribunal de Contas já apontou os desmandos nos contratos firmados por Voorwald para o fornecimento de merenda às escolas estaduais”, lembrou Geraldo. (FF)

Leia mais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.