Base do governo estadual impede a convocação dos envolvidos na fraude da SABESP

19/04/2006 15:50:00

Os petistas Simão Pedro e Sebastião Arcanjo apresentaram requerimento para convocar Antonio Marsiglia Netto, ex-Diretor da SABESP e atual Secretário Municipal de Serviços da Capital, nomeado pelo ex-prefeito José Serra, e José Antonio de Angelis, ex-Superintendente de Gestão e Processos Especiais e ex-presidente da Comissão de Licitação da estatal.

Segundo a reportagem publicada há indícios de direcionamento no processo de licitação, manipulando e adulterando o cálculo da avaliação técnica das empresas que concorriam ao serviço de acompanhamento de qualidade da água. Estas modificações nos resultados favoreceram a Tecelar, declarada vencedora e prestou seus serviços até dezembro de 2005, quando já havia passado 18 meses da auditoria.

O relatório feito pela auditoria interna da SABESP apontou terem ocorrido fraudes e modificações na pontuação técnica das empresas participantes pela comissão de licitação da estatal, então presidida por Marsiglia Netto e seu homem de confiança, Antonio de Angelis, que assume ter modificado os números

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.