Cúpula da PM vai para Orlando na conta da Motorola

04/11/2014

Irregularidades

A multinacional, que mantém contratos milionários com a instituição, bancou parte da viagem de militares aos Estados Unidos; patrocínio não foi publicado no Diário Oficial, como exigem as regras da administração pública

Parte da cúpula da Policia Militar do Estado de São Paulo passou quase uma semana nos Estados Unidos. Eles ficaram do dia 25 ao dia 31 de outubro em Orlando, na Flórida, para participar de uma feira de segurança promovida pela Motorola. A empresa mantém contratos milionários coma PM e bancou parte da viagem.

Entre os viajantes, estavam o comandante-geral da PM, Benedito Meira e ao menos mais três oficiais. A multinacional não quis informar o que exatamente bancou, quanto gastou e quais foram os policiais beneficiados.

A Secretaria de Segurança Pública (SSP), por sua vez, optou por não comentar a viagem.

De acordo com as regras da administração pública do Estado, viagens patrocinadas como essa, por serem inerentes ao serviço público, devem ser publicadas no Diário Oficial.

O governo do Estado, no entanto, não o fez e também não citou em nenhum momento a ajuda de custo da Motorola. Além disso, o Ministério Público avalia que o governo do Estado não poderia ter aceitado o patrocínio, uma vez que o convite partiu de uma empresa que tem interesse e manter negócios com a polícia.

No dia 25 de outubro, foi publicado no Diário a autorização para que o comandante Meira viajasse a Orlando, “sem ônus para o Estado (…) para tratar de assuntos de interesse de pasta”. Questionada pelo jornal Folha de S. Paulo, no entanto, a SSP afirmou que Meira viajou com recursos próprios e que a informação publicada no Diário falando em se tratar de viagem oficial estava errada.

A Promotoria de Justiça do Patrimônio Público e Social da Capital informou que deve instaurar inquérito para apurar a viagem.

fonte: site Spressosp, com informações da Folha de S. Paulo

Leia mais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.