Deputados do PT cobram mais ações de segurança de secretário

27/03/2013

Insegurança pública II

Crédito:

Em reunião com secretário, deputados do PT cobram mais ações de segurança

Os deputados do PT, Ana Perugini, Gerson Bittencourt, Antonio Mentor e Professor Tito, reuniram-se com o secretário de Segurança do Estado de São Paulo, Fernando Grella Vieira, nesta terça-feira (26/3).

A pauta foi segurança na Região Metropolitana de Campinas (RMC) e no interior do Estado e a questão mais urgente levada ao secretário foi o pedido de ajuda com relação à roubos aos carteiros em 14 bairros de Sumaré, razão pela qual os Correios paralisaram as entregas nesse locais, de forma que a população precisa ir até a Agência dos Correios para retirar suas encomendas.

Diante das indagações, o secretário se comprometeu a encontrar uma resolução para o problema, ele confirmou que vai iniciar uma ação conjunta com o departamento de segurança da Empresa de Correios e Telégrafos para que as entregas das encomendas sejam retomadas.

O Professor Tito disse que os deputados petistas reivindicaram uma participação mais ativa no Gabinete Metropolitano de Gestão Estratégica da Região Metropolitana de Campinas. “O secretário nos garantiu que todos seremos informados sobre a agenda do gabinete e participaremos das discussões. Foi o início de um diálogo que, espero, possa render frutos e ajudar a população dos nossos municípios a ter mais segurança e qualidade de vida”, finaliza Tito.

Praia Grande

Por intermédio da deputada estadual Telma de Souza , uma comissão de vereadores de Praia Grande também participará de uma audiência com o secretário Fernando Grella para cobrar soluções do governo paulista sobre a crescente violência no município. A princípio, a reunião será na segunda quinzena de abril, com possibilidade de ser antecipada.

“Nossa luta é pela garantia da segurança da população de Praia Grande, tanto que a comitiva será suprapartidária. Juntos, conseguiremos exigir uma atuação mais firme e capacitada do governo de São Paulo no aumento da segurança, pois, até agora, essa ação tem sido muito tímida. Os números de violência na cidade continuam alarmantes”, avalia a deputada, que representa toda a Baixada Santista e o Vale do Ribeira no Poder Legislativo Paulista.

No primeiro bimestre deste ano, foram registrados 2.226 casos de crimes somente em Praia Grande. Um dos exemplos do aumento da sensação de criminalidade em Praia Grande é o crescimento de 11% no índice de furtos. O levantamento da Secretaria de Segurança Pública do Estado aponta que aconteceram 1.027 crimes deste gênero. Também chama a atenção o número de estupros: 21 nos dois primeiros meses de 2013.

*com informações da Ass. de Imprensa dos deputados Ana Perugini, Professor Tito e Telma de Souza

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *