Deputados governistas rejeitam convocação de presidente do Metrô e Secretário no caso Alstom

28/05/2008 18:31:00

Caso Alstom

Requerimento de autoria dos deputados petistas Zico Prado e Antonio Mentor foi rejeitado por 4 votos a 2 na Comissão de Transportes

Mais uma vez a bancada governista presente à Comissão de Transportes, reunida nesta quarta-feira, dia 28, impediu a convocação de representantes do governo para prestar esclarecimentos. Desta vez foi rejeitado o requerimento de autoria dos deputados petistas Zico Prado e Antonio Mentor que pedia a convocação do secretário de Transportes Metropolitanos, José Luis Portella, e do diretor presidente do Metrô, José Jorge Fagali, para prestar esclarecimentos sobre as supostas irregularidades, veiculadas na imprensa, no fornecimento de trens e equipamentos pela empresa Alstom Energia e Transporte Limitada, no período de 1995 e 2003.

Votaram pela rejeição do requerimento os deputados Roberto Engler e João Caramez (PSDB), Rogério Nogueira (PDT) e Edson Giriboni (PV). A favor, apenas os votos dos deputados Zico Prado e Antonio Mentor (PT). O presidente da Comissão, deputado Aldo Demarchi (DEM) não votou.

Para o deputado Zico, a bancada do PT não vai desistir de apurar as irregularidades com a empresa Alstom. “Já levantamos uma série de dados, entre eles vários processos julgados irregulares no Tribunal de Contas. Há indícios e portanto temos o direito de fiscalizar as ações em âmbito estadual e não vamos desistir”, reiterou.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.