Direitos Humanos realiza, nesta terça, nova audiência sobre estupros na USP

24/11/2014

25 de novembro

Na próxima terça-feira (25/11), a Comissão de Direitos Humanos, presidida pelo deputado do PT Adriano Diogo, realizará nova audiência pública sobre os casos de violação de direitos humanos na Universidade de São Paulo, às 14h, no auditório Franco Montoro.

Foram convidados para a audiência o diretor da Faculdade de Medicina da USP, José Otávio Costa Auler Junior, o vice-diretor, Edmund Chada Baracat, e representantes da reitoria.

Ambos, apesar de convidados, não compareceram à primeira audiência, que aconteceu em 11 de novembro na Assembleia Legislativa. Na ocasião, alunas do curso de Medicina relataram que foram vítimas de estupro dentro da faculdade. Também foram narrados casos de racismo, sexismo, além de outras formas de violência física e psíquica nos trotes, nas festas e no cotidiano do curso.

Ainda de acordo com os relatos, apesar das reiteradas denúncias, não houve a devida presteza e assistência às vítimas e punição aos autores por parte da Faculdade de Medicina.

Para o deputado Adriano Diogo, a dimensão do descaso com que as denúncias foram tratadas pode ser constatada, no pedido de afastamento da Faculdade de Medicina do professor Paulo Saldiva, em virtude da falta de apoio institucional para apuração das denúncias.

Ainda devem comparecer na audiência desta terça-feira os responsáveis pela realização da festa Show Medicina, e representantes das associações atléticas da USP de São Paulo e de Ribeirão Preto. (FF)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.