Em quatro meses, 65 ônibus são incendiados na capital

23/04/2014

Onda de violência

Em quatro meses 65 ônibus são incendiados na capital

A onda de ataques ao sistema de transporte público seguem sem controle na cidade de São Paulo. Nos primeiros quatro meses deste ano, foram incendiados 65 coletivos, a mesma quantidade de ônibus atacados em todo ano passado, segundo balanço do Sptrans.

Nesta semana um dos últimos incêndios aconteceu na zona norte da capital, em protestos dos moradores por falta de água. E em pleno feriado, na segunda- feria21/4, dois ônibus foram incendiados em Ermelino Matarazzo.

Os incêndios assim como as manifestações da polícia, repetem um padrão. No ataque aos ônibus, com frequência acontece em ação de dois sujeitos que abordam passageiros, motorista e cobrador, mandam sair e ateiam fogo no coletivo.

A polícia por sua vez, quase sempre alega que os incendiários agiram em represaria à morte de algum suspeito, que foi preso ou morto numa ação policial. Segundo levantamento noticiado por uma rádio da capital, este ano na Região Metropolitana 17 ônibus foram incendiados na Grande São Paulo.

Levantamento da Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos (EMTU), aponta que as cidades da Grande São Paulo que mais sofreram ataques foram Osasco, Barueri, Guarulhos e capital.(rm)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *