Em reunião na FPF, Luiz Fernando propõe parceria para ajudar APAEs no Estado

10/03/2017

CIDADANIA

Crédito: APAE Araraquara

Deputado Luiz Fernando propõe parceria para ajudar APAEs no Estado

Deputado propôs que seja cobrado R$ 1,00 a mais por ingressos em jogos e eventos da FPF que, por sua vez, deve repassar esse valor às APAEs

O deputado Luiz Fernando Teixeira se reuniu na tarde desta quarta-feira (08) com os presidente e vice-presidente da Federação Paulista de Futebol, Reinaldo Carneiro Bastos e Fernando Solleiro, respectivamente, para conversar sobre uma proposta de parceria que beneficia as APAEs (Associações de Pais e Amigos de Excepcionais) do Estado de São Paulo.

De acordo com o ofício apresentado pelo parlamentar, a proposta é que em todos os campeonatos e eventos promovidos pela Federação, que envolvem a cobrança de ingresso, seja cobrado R$ 1,00 a mais, que deverá ser repassado para as APAEs que atendem crianças com deficiências graves ou autismo no Estado.

Para Luiz Fernando, a proposta soluciona uma demanda que o governo Alckmin tem insistido em ignorar. “Há algum tempo eu vejo os trabalhadores das APAEs cobrando verbas e o governo do Estado só cortando. Assim, decidi apresentar uma proposta para uma demanda que o governo se omite”, afirma o deputado.

Muito receptivo, Reginaldo Carneiro elogiou a proposta e anunciou que vai criar um grupo de trabalho para estudar a implementação da parceria.

O documento apresentado prevê que, assim que implantada a parceria,para obter a ajuda a APAE deve fazer cadastro em ferramenta que deve ser disponibilizada pela FPF.

Por ser uma proposta que extrapola a atuação parlamentar, Luiz Fernando aproveitou seu prestígio dentro da Federação – obtido no período em que dirigiu o São Bernardo –, time do ABC na disputa da primeira divisão do Paulistão, e apresentou sua ideia. Luiz espera que a proposta seja viabilizada e até sirva como modelo para todo o Brasil. “Espero futuramente levar a sugestão à CBF. Essa parceria não lesa ninguém e só ajuda quem mais precisa. Espero que dê certo em São Paulo e assim podemos fazer igual no país”, explica o deputado.

Luiz Fernando agora aguarda um parecer da Federação para em breve discutir mais detalhes da parceria.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.