Entre 1 e 7 de setembro será realizado plebiscito por reforma política

29/08/2014

Vote

Crédito:

De 1º e 7 de setembro, durante a Semana da Pátria, a população brasileira poderá votar se é a favor ou não de uma constituinte exclusiva e soberana para reformar o sistema político brasileiro.

O Plebiscito Popular pela Constituinte Exclusiva e Soberana do Sistema Político – conhecido como Plebiscito da Reforma Política – foi organizado por diversas entidades que objetivam aperfeiçoar as instituições políticas do país. A presidenta Dilma Rousseff propôs a reforma política após as manifestações de junho do ano passado e reiterou ser favorável ao plebiscito durante o primeiro debate com os presidenciáveis na TV, realizado em 26 de agosto.

O secretário de Políticas Sociais da CUT São Paulo, João Batista Gomes, destaca que os movimentos se uniram para a realização da consulta popular após a proposta da presidenta. “Para nós, é uma resposta às manifestações de junho, que apontamos. Levamos a frente e estamos fazendo com as próprias mãos esse plebiscito”.

O secretário da CUT alega que segmentos conservadores, como o STF e partidos políticos, a exemplo do PMDB, apresentam resistência à reforma política e chegaram a acusar Dilma de exercer um golpe. “Consultar o povo é a forma mais democrática que existe para saber os rumos da nação”, considera.

Plebiscito da Reforma Política vai receber votos também pela internet

O Plebiscito Popular vai receber votos também pela internet, entre os dias 1º e 7 de setembro, no endereço www.plebiscitoconstituinte.org.br.

Uma ferramenta autenticadora de coleta de votos, que já está pronta, estará disponível no site desde as primeiras horas do dia 1º. Essa urna virtual só aceita votos de pessoas devidamente identificadas e não permite participação em duplicidade.

Assembleia Legislativa tem urna

A Liderança do PT na Assembleia Legislativa de São Paulo disponibilizou urna para a votação, que está localizada no andar Monumental do prédio da Assembleia, sala M2.
Com a votação via internet e milhares de urnas físicas que estarão espalhadas pelo Brasil, a organização da campanha espera atingir a meta de 10 milhões de votos. (sc)

As urnas vão coletar respostas para a seguinte pergunta: “Você é a favor da convocação de uma constituinte exclusiva e soberana sobre o sistema político? ( )SIM ( )NÃO.”

MAIS INFORMAÇÕES SOBRE O PLEBISCITO E OS LOCAIS DE VOTAÇÃO PODEM SER ACESSADAS EM: http://www.plebiscitoconstituinte.org.br/

*com informações da CUT-SP e Rede Brasil Atual

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.