Governo Federal inaugura unidade da UFSCAR em Sorocaba

24/06/2008 15:56:00

Universidade

 

Hamilton Pereira participa de inauguração de prédios da Ufscar em Sorocaba

Ao lado do Ministro da Educação, Fernando Haddad, e da representante do Ministério da Educação (MEC) no estado de São Paulo, Iara Bernardi, o deputado estadual Hamilton Pereira (PT) participou na manhã desta segunda-feira (23/6) da solenidade de inauguração de três edifícios do campus da Universidade Federal de São Carlos (Ufscar) em Sorocaba.

A estrutura inaugurada após 28 meses de obras, compreende o prédio de gestão acadêmica e os prédios de salas de aula e laboratórios didáticos, é resultado de um investimento de R$6,6 milhões em recursos federais. Segundo Hamilton Pereira essa é uma conquista de valor inestimável para a história da região de Sorocaba.

“Acompanhamos todo o processo, desde 1999, quando a então deputada Iara Bernardi promoveu o primeiro debate sobre a instalação de um campus da UFSCar em Sorocaba”, salienta Hamilton. “E hoje temos o prazer de assistir à concretização deste grande sonho, que só foi possível graças ao reconhecimento do Governo Federal à importância dessa luta para a nossa região”, completou.

O Ministro da Educação informou que além do campus da UFSCar em Sorocaba, a região passará a contar com três unidades do Centro Federal de Educação Tecnológica (CEFET), em Salto (em funcionamento), São Roque e Itapetininga. Segundo Haddad, o estado de São Paulo tem refletido a ampliação dos investimentos em educação pelo Governo Lula.

“O estado de São Paulo passará das três unidades do CEFET existentes hoje para 20 unidades até 2010”, salientou o ministro. Em relação ao ensino Superior, Haddad destacou que além da UFSCar, o Governo Federal criou novos campi da Unifesp (Santos, Diadema, Guarulhos e Osasco), além da Universidade Federal do ABC, que já tem um campus em funcionamento em Santo André e passará a ter outro campus em São Bernardo do Campo.

Sobre os investimentos na educação básica, Haddad afirmou que há uma discrepância a ser vencida, já que o Brasil ocupa a 15a posição na produção científica, enquanto ocupa o 51º lugar em relação à educação básica. “Essa discrepância precisa ser vencida com projetos como esse”, afirmou o ministro, referindo-se à oferta de cursos noturnos de licenciatura no campus Sorocaba.

Muito emocionada, Iara Bernardi fez um histórico da sua luta para trazer um campus da UFSCar para Sorocaba. “Em muitos momentos a região não acreditou nisso e parecia que eu contava uma lenda que nunca iria se concretizar”, afirmou. Para ela a conquista só foi possível graças a uma “decisão política” do Governo Lula e do Ministério da Educação. “Esse foi um dos maiores presentes que a nossa cidade poderia ter ganhado”, disse Iara.

A UFSCar oferece cursos em Sorocaba desde 2006. Atualmente possui sete cursos em funcionamento e há previsão de criação de mais sete cursos e dois de pós-graduação em 2009, quando forma-se também a primeira turma de alunos.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.