Investigação: Bancada enfrenta maioria governista

04/08/2009 17:00:00

CPI da CDHU

 

Está nos principais jornais, mas o governador José Serra não admite a estratégia eleitoreira. A Assembléia Legislativa retoma as suas atividades, com os deputados da base governistas fortemente empenhados em dificultar o trabalho de investigação do PT no caso CDHU.

“A CPI da CDHU é nossa prioridade para provarmos as irregularidades cometidas pelo governo Serra e pelos demais governos do PSDB no Estado. Sabemos que teremos problemas por sermos minoria, mas vamos confrontar o PSDB”, afirma o líder da bancada, deputado Rui Falcão, em reportagem publicada nesta segunda-feira (03/08) no Jornal O Estado de São Paulo.

As equipes técnicas da liderança do partido trabalharam durante o recesso para reunir dados sobre supostas irregularidades em contratos e obras da CDHU. A Comissão foi criada a pedido do PT para apurar denúncias de desvio de R$ 135 milhões da estatal entre 2001 e 2007, por meio de fraudes em licitações e superfaturamento de preços em obras que englobam 22 cidades paulistas.

Serra em Pernambuco

Enquanto, sua base de apoio na Assembleia trabalha para impedir o andamento dos trabalhos legislativos, como a CPI da CDHU, o governador José Serra segue em ostensiva campanha eleitoral pelo País, mas negando sempre qualquer pretensão eleitoreira.

“Serra distribui abraços e posa para fotos em Exu, sertão de Pernambuco, mas diz estar em visita cultural e nega campanha”, informa a reportagem “Serra come bode e ouve forró em Exu”, publicada nesta segunda em O Globo.

“O PT quer formar na Assembleia um foco de resistência e um programa único de oposição ao Governo Serra, com propostas dos partidos oposicionistas nas áreas de saúde, segurança e educação. Há descaso com o funcionalismo e com as políticas públicas e sabotagem em relação ao governo federal. Serra tem ainda a coragem de dizer que foi a Pernambuco não porque esteja em campanha eleitoral, mas porque é admirador de Luis Gonzaga”, disse o líder da bancada petista em plenário na retomada das atividades da Assembleia.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *