Investimentos no combate às enchentes ficam abaixo do previsto

13/12/2012

Descaso tucano

Alckmin não aplica investimentos previstos no combate às enchentes

Restando poucos dias para terminar o ano e iniciar o período de chuvas, o balanço dos investimentos do governo do Estado em infraestrutura hídrica, combate às enchentes e saneamento é bastante negativo: foram liquidados apenas 30,4% dos R$ 267,3 milhões orçados. Os dados constam do Sigeo – Sistema de Informação da Execução Orçamentária do Estado, em levantamento feito até o último dia 3 de dezembro.

Também os investimentos liquidados do DAEE – Departamento de Águas e Energia Elétrica – ficaram abaixo de um terço: apenas 31,6%. Dos R$ 332 milhões orçados, pouco mais de R$ 104 milhões foram executados.

Obras antienchentes

As obras de infraestrutura no combate às enchentes tiveram até o momento apenas 45% do orçamento liquidado. O DAEE deixou de investir nesta ação cerca de R$ 60 milhões.

O descaso do governo tucano para evitar os alagamentos e cheias também podem ser observados com a baixa execução orçamentária na implantação dos reservatórios (piscinões) e nas obras de implantação do Parque Várzeas do Tietê. Para os piscinões o governo utilizou apenas R$ 1,8 milhão dos R$ 51 milhões que constam no Orçamento do Estado, ou seja, o liquidado está em 3,6%.

O valor liquidado com as obras do Parque Várzeas do Tietê é de pouco mais de R$ 10 milhões, percentualmente em relação ao orçamento está em 12,2.

*Os valores tomaram as diferenças entre os investimentos que foram liquidados/realizados em relação ao previsto no Orçamento do Estado em 2012.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.