Líder da Bancada pede convocação da secretária de Educação

19/06/2008 15:57:00

Funcionalismo

Crédito:

 

O deputado Roberto Felício, líder da bancada do PT na Assembléia Legislativa, defendeu no Plenário a convocação da secretária de Educação, Maria Helena Guimarães de Castro, para que preste esclarecimentos sobre as reivindicações dos professores.

Felício apresentou ainda Projeto de Decreto Parlamentar (PDL) nº 25/08 para exigir a imediata revogação do decreto nº 53.037/08, que além de autoritário é inconstitucional.

Para o líder petista, “a greve dos professores demonstra a capacidade de luta e determinação da categoria. No governo Serra, professores são mal remunerados, trabalham em situações estressantes, com más condições de trabalho, salas superlotadas e convivendo com a violência. Apesar de tudo isso, só podem ter seis faltas ao ano e são impedidos de ficar doentes ou levar filhos ao médico”.

O petista também argumentou que “para piorar, o decreto impede transferências de uma escola para a outra, estabelece avaliação de desempenho, dificulta participação nos concursos de remoção e atribui aulas compulsoriamente”.

Na avaliação da Apeospe, o movimento é forte e atinge mais de 60% das escolas do Estado, apesar da Secretaria de Educação dizer que a greve tem apenas 2% de adesão.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.