Mentor liderou iniciativa que repassou R$ 8,6 mi à Santa Casa

02/07/2013

Emenda

Crédito:

A partir de proposta do deputado do PT, Antonio Mentor, 86 parlamentares estaduais destinaram R$ 100 mil de suas cotas de emendas do Orçamento 2013 para a Santa Casa de Misericórdia de São Paulo, totalizando um valor de R$ 8,6 milhões. A assinatura de convênio entre a entidade e o governo do Estado, ocorrida nesta terça-feira (2/7), foi o desfecho dessa iniciativa inédita na Assembleia Legislativa.

A cerimônia de formalização do convênio, assinado pelo governador Geraldo Alckmin e o superintendente da Santa Casa, Kalil Rocha Abdalla, contou com a presença de nove deputados estaduais e dezenas de funcionários da instituição.

Abdalla disse que a liberação desse repasse extra vai permitir a destinação de recursos para a compra de equipamentos, para cobrir custos de manutenção e para a compra de equipamento de ressonância magnética. Ele afirmou que a iniciativa da Assembleia Legislativa demonstrou que é possível desenvolver ações conjuntas em prol das santas casas, superando as diferenças partidárias.

Assembleia dá uma lição

Antonio Mentor, ao discursar em nome dos parlamentares, ressaltou que “a iniciativa surgiu frente às necessidades que a Santa Casa tem e pela importância do trabalho realizado por ela na saúde pública da cidade de São Paulo e do Brasil, já que ela recebe pacientes de todas as partes do país”.

“Ao analisar tudo isso, imaginamos que a verba de R$ 100 mil, proveniente das emendas parlamentares individuais, seria uma gota d’água no oceano para atender a demanda crescente e volumosa que a Santa Casa tem. Mas, em conversa com outros deputados e também com um dos grandes apoiadores da Santa Casa, o ex-presidente da Assembleia Tonico Ramos, construímos a possibilidade de agrupar emendas de todos os parlamentares com um valor que pudesse ser significativo. Tivemos, então, o apoio quase unânime dos deputados da Casa. Isto demonstra a responsabilidade que a Assembleia tem com instituições do porte da Santa Casa e esse sentimento que supera eventuais diferenças partidárias, ideológicas e programáticas”, disse Mentor.

O deputado enfatizou ainda que a Assembleia paulista dá uma lição aos outros legislativos estaduais e às Câmaras Municipais, através dessa iniciativa.

Ao final, o Mentor entregou cópia da emenda com a assinatura dos 86 parlamentares ao superintendente da Santa Casa, Kalil Rocha Abdalla.

Leia mais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.