Nota de esclarecimento de Simão Pedro

22/11/2013

Caso Alstom/Siemens

O deputado licenciado, Simão Pedro, diz que encaminhou denúncias de cartel de trens ao Ministério Público.

Segue a nota na íntegra.

Como deputado estadual regularmente licenciado, esclareço que, no exercício de meu Mandato e na função de fiscalizador das ações do executivo paulista, minha atuação com relação às denúncias de cartel se restringe:

• em 2010, recebi denúncias documentadas de um provável esquema de pagamento de propinas para obtenção de contratos na CPTM por parte das empresas Siemens e MGE e as encaminhei, em forma de representação, ao Ministério Público de São Paulo, solicitando investigação sobre o tema;

• no final de 2011, recebi uma nova denúncia de prejuízos ao erário público na contratação de reformas dos 96 trens das linhas 1 e 3 do Metrô, com fortes indícios de acertos entre um conjunto de empresas, como as multinacionais Alston e Siemens e, em junho de 2012, encaminhei nova representação ao Ministério Público de São Paulo, solicitando investigação sobre o caso (ou seja, a possibilidade de a reforma ficar mais cara do que a aquisição de trens novos).

• logo depois e, diante de evidências de formação de um cartel neste último caso, levantadas inclusive pelo Tribunal de Contas do Estado, resolvi, dentro das prerrogativas de meu Mandato, procurar o CADE na tentativa de encaminhar o assunto naquele órgão.

Todas essas ações foram divulgadas, tanto nas minhas redes sociais como na imprensa, o que evidencia a prática de transparência que caracteriza o meu mandato.

Simão Pedro Chiovetti é deputado estadual do PT de São Paulo. Atualmente está licenciado e é secretário de Serviços da gestão do prefeito Fernando Haddad no município de São Paulo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *