Orçamento de Serra mantém defasagem salarial do funcionalismo e dobra gastos com publicidade

08/12/2008 17:00:00

Orçamento 2009

Crédito:

 

 

 

A Bancada do PT apresenta, nesta terça-feira (9/12), em coletiva à imprensa, análise do Orçamento 2009 enviado à Assembléia Legislativa pelo governador José Serra.

O Orçamento do Estado de São Paulo apresenta um crescimento recorde de 19%, estimado em R$ 116 bilhões para 2009, que na avaliação dos deputados do PT esta elevação resulta do crescimento da economia do país, propiciada da política econômica do governo Lula. Somado a isso, está a “sanha arrecadatória” do governador, que busca aprovar projetos de elevação tributária na Assembléia e de autorização para operações de crédito. Desde que assumiu o governo, Serra já conseguiu autorização para operações de empréstimos internacionais e do BNDES no valor de R$ 10 bilhões.

No entanto, todos os recursos desta arrecadação estão revertidos, principalmente, em obras na área de transportes, localizados na Capital – Metrô, Rodoanel e trens da CPTM, em detrimento aos investimentos nas estradas vicinais, ao longo das cidades do interior do Estado e em áreas sociais. Na Educação, Saúde e Segurança Pública, os serviços prestados pelo Estado estão cada vez mais sucateados, assim como há o arrocho ao funcionalismo, que impulsionaram as paralisações da polícia civil,  defensoria pública entre outros, que não serão contemplados com os mesmos índices de crescimento previsto na proposta do Orçamento para 2009.

Outro destaque é o salto no crescimento de gastos com publicidade e propaganda, que sobem de R$ 166 milhões em 2008 para R$ 313 milhões.

Serviço:

Análise da Bancada do PT sobre o Orçamento 2009

Dia – 9 de dezembro (terça-feira)

 

 

 

 

Horário – 16 horas

Local – Sala de Reuniões da Primeira Secretária – andar Térreo

Assembléia Legislativa do Estado de São Paulo

 

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *