Osasco e Guarulhos receberam as Caravanas no último sábado

01/07/2013

Ação partidária

Na manhã de sábado (29/6), o ginásio Atlético Floresta em Osasco ficou pequeno para a quantidade de militantes que compareceram à 18ª Caravana do PT-SP. Cerca de mil pessoas vindas dos 16 municípios que compõem a macro participaram deste importante evento – que culminará nos dois grandes encontros, do interior e da região metropolitana.

“Temos um grande desafio no encerramento das caravanas: fazer o debate da conjuntura sem deixar de estar atentos à construção de nossa tática eleitoral do próximo período”, avaliou Edinho Silva, presidente do PT-SP. Nos últimos meses, o diretório estadual têm percorrido todo o estado de São Paulo com o objetivo de fazer um diagnóstico sobre a construção do projeto partidário.

Com a aproximação do final das caravanas da região metropolitana, o presidente ainda explicou qual serão os próximos passos. “Todo esse esforço vai gerar um balanço da nossa capacidade de diálogo, dos nossos acertos e erros. Só assim vamos chegar ano que vem preparados para ganhar o Estado de São Paulo, com um programa de governo que dialogue com cada região”.

Anfitrião, o prefeito de Osasco, Jorge Lapas, saudou os presentes e destacou a importância das caravanas para a construção de uma unidade em prol das lutas e princípios do Partido dos Trabalhadores. “Nós sempre defendemos a reforma política, mas antes não tínhamos essa força. Hoje, o povo pode nos ajudar a construir essa bandeira”, destacou.

Emídio de Souza, ex-prefeito de Osasco, foi recebido com grande carinho pelos militantes. “Quando resolvi concorrer à presidência do diretório estadual, percebi o quanto a nossa militância é forte e aguerrida a construir um futuro”, enfatizou o candidato. O PED, que vai ocorrer ao final de 2013, também foi assunto durante a reunião deste sábado.

Além de uma militância animada e apaixonada, a reunião da macrorregião de Osasco contou com a presença de muitas autoridades. Vereadores de todas as cidades marcaram presença no evento, assim como Valdir Roque – presidente da macrorregião –, presidentes dos diretórios municipais do PT, como Zé Pedro de Osasco, e secretários da cidade-sede.

Estiveram presentes também o senador Eduardo Suplicy; os deputados federais Carlos Zarattini, João Paulo Cunha e José Mentor; e os estaduais Alencar Santana Braga, Enio Tatto, Geraldinho Cruz, Isac Reis e Marcos Martins.

Macrorregião de Guarulhos/Alto Tietê

“Quero cumprimentar a direção estadual por proporcionar momentos como este: de reflexão, para ouvir as mais diversas opiniões. Desta forma que o Partido dos Trabalhadores nasceu e cresceu, por meio dos debates e discussões”. Foi assim que o prefeito de Guarulhos, Sebastião Almeida, recebeu a militância para a penúltima Caravana do PT-SP na tarde de sábado (29/6).

Durante a caravana da macrorregião de Guarulhos/Alto Tietê, o assunto mais comentado foi a necessidade de discussão de formas para avançar ainda mais na construção partidária integrada entre estado e municípios.

Gerson Bittencourt, deputado estadual, destacou que “é importante fazer reuniões, ouvir, criar novas ideias, fazer debates. Com certeza sairemos mais fortes destas caravanas e prontos para eleger o governador do estado de São Paulo e reeleger a presidenta Dilma”.

Para o presidente do PT-SP, Edinho Silva, o objetivo é exatamente este: “fazer um relatório das dificuldades, dos avanços e das propostas do partido na região. Quando a gente encontra nosso rumo e alinhamos nossas propostas, ninguém segura o PT.”

Para compor a mesa diretora foram convidados os deputados estaduais Alencar Santana Braga e Gerson Bittencourt; os federais Janete Pietá e José Mentor; o senador Eduardo Suplicy, além de vereadores e membros da coordenação da macro e da comissão executiva estadual.

Parceria

A parceria das prefeituras petistas com o Governo Federal foi destaque na fala do senador Eduardo Suplicy, que apresentou números sobre a quantidade de famílias que recebem o auxílio Bolsa-Família em Guarulhos. “Se precisar de mais verba para as famílias que ainda não recebem o benefício, tenho absoluta certeza que a presidenta Dilma irá atender prontamente”, ressaltou.

Suplicy ainda fez um apelo aos presentes: “se você souber de alguém que deveria receber, mas ainda não ganha o auxílio, entre em contato com a prefeitura. O Bolsa-Família é um direito do cidadão e uma medida que tirou milhões de brasileiros da pobreza”.

fonte: Linha Direta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.