Petista critica a política estadual de Segurança

22/04/2013

Insegurança pública

A deputada estadual Ana do Carmo fez duras críticas à política de Segurança do Governo do Estado. Durante encontro com José Luis Martins Navarro, titular da Pasta de Segurança Pública e Trânsito de Santo André, Ana afirmou que o Estado de São Paulo pretere ações de prevenção por medidas como a redução da maioridade penal, defendida pelo governador Alckmin.

“Um presidiário custa mais caro ao Estado do que, em média, o salário de um professor, por exemplo. Não seria melhor ter uma série de ações para prevenir a violência do que diminuir a maioridade penal?”, questionou a deputada, após receber de Navarro uma lista com os atos preventivos preparados pela Prefeitura de Santo André. O município já conta com planejamento para evitar os pancadões, em pouco mais de quatro meses de trabalho da atual administração municipal.

A fala do governador a respeito das alterações na maioridade penal vem de encontro com o projeto de lei apresentado pela parlamentar ao Governo do Estado, em que cobra a presença de psicólogos e assistentes sociais no Ensino Estadual.

Apesar da relevância do projeto, o texto foi vetado pelo governador em março. “Do jeito que vai essa política (de Segurança) no Estado, vamos prender crianças de oito, nove anos”, completou. O encontro entre Ana e Navarro teve como tema a onda de violência nos arredores do campus Santo André da UFABC (Universidade Federal do ABC), na Avenida do Estado. O comandante apresentou à deputada as ações que já estão em andamento no local.

fonte: Ass. Imprensa – dep. Ana do Carmo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.