PT cobra rigor da Assembleia na fiscalização do Executivo

12/09/2012

Irregularidades tucanas

Enio Tatto cobra maior rigor da Assembleia na fiscalização do Executivo

Em entrevista à TV PTAlesp, o petista integrante da Comissão de Finanças e Orçamento da Assembleia Legislativa, deputado Enio Tatto, cobrou maior celeridade na análise de denúncias de irregularidades em contratos e ou serviços de secretarias estaduais, empresas e entidades que tenham vínculos com o governo do Estado. “Nós deputados temos que executar a função para qual fomos eleitos e fiscalizar as ações do Estado. A Assembleia Legislativa não pode apenas homologar as irregularidades apontadas pelo Tribunal de Contas do Estado.”

Para Tatto, os deputados precisam se antecipar, usar a prerrogativa e convocar dirigentes e secretários para que prestem contas das denúncias de irregularidades. “Aí sim estaremos cumprindo o nosso papel de fiscalizar e defender o bom uso dos recursos públicos”, explicou.