PT pede que comandante geral da PM explique viagem a Orlando

05/11/2014

Multinacional pagou

PT pede que comandante geral da PM explique viagem a Orlando custeada por multinacional

Protocolado na Comissão de Segurança Pública e Assuntos Penitenciários requerimentos que pedem a convocação do Comandante Geral da Polícia Militar do Estado, Benedito Meira, e do Delegado Geral da Polícia Civil do Estado de São Paulo, Doutor Maurício Blazeck, para que prestem esclarecimentos sobre a viagem realizada por eles e outros policiais para a cidade de Orlando, na Florida, nos Estados Unidos.

O requerimento apresentado, nesta terça-feira (4/11), é de autoria do líder da Bancada do PT, deputado João Paulo Rillo, e basea-se em reportagem do jornal Folha de S. Paulo que apurou que a viagem foi custeada pela multinacional Motorola, que dias antes havia ganhado licitação milionária, após afastamento de sua maior concorrente de mercado.

A Motorola é responsável pelo sistema de radiocomunicação das polícias Civil e Militar de São Paulo.

Para o deputado Rillo, é preciso esclarecer sobre a viagem e que haja a informação sobre o pagamento das passagens pelo Estado do Delegado Geral, além de deixar claro quem custeou a hospedagem, o transporte e a alimentação em Orlando. Também é preciso saber quem foi o delegado que teve os custos de viagem suportados pela multinacional. “Há de se considerar a imagem de improbidade que ressalta de toda a narrativa”, afirma o líder do PT.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.