PT quer convocar responsáveis pelo caos na CPTM

30/03/2012

Requerimento

Deputados da Bancada do PT protocolaram, neta sexta-feira (30-3) requerimento para convocação de Sidney Beraldo, Chefe da Casa Civil, Jurandir Fernando Ribeiro Fernandes, secretário estadual de Transportes Metropolitanos e Mário Manuel Rodrigues Seabra , da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM), para prestarem esclarecimentos sobre as panes ocorridas nas estações da CPTM e os cortes no orçamento da Companhia.

O requerimento é assinado pelos deputados Alencar Santana – líder da Bancada do PT; Donisete Braga – líder da Minoria; e José Zico Prado – presidente da Comissão de Infraestrutura, e se dirige àsComissões de Assuntos Metropolitanos, Direitos Humanos, Infraestrutura, Transportes, Finanças e de Fiscalização e Controle.

Na justificativa, os deputados relatam as 20 panes registradas pela imprensa nesse ano e as 42 do ano passado. Milhares de pessoas foram prejudicadas.

Também foi citado o corte no orçamento da CPTM. De acordo com dados do Sistema de Acompanhamento da Execução do Orçamento (Sigeo), em 2010, foram R$ 113,7 milhões aplicados. Já no ano passado o valor investido foi R$ 80,5 milhões. As maiores quedas aconteceram na Linha 9-Esmeralda (Osasco-Grajaú) com 38,6%, e na Linha 7-Rubi (Luz-Jundiaí) com 36,7%.

“A falta de prioridade na melhoria do sistema de transporte sobre trilhos é corroborada pelas ações do Governo em relação aos cortes procedidos pelo Governador Geraldo Alckmin, no orçamento elaborado pela CPTM”, afirmam os deputados.

Dados obtidos na comparação entre a proposta orçamentária da CPTM e a proposta orçamentária encaminhada pelo governador mostram as distorções entre as necessidades apontadas pela CPTM para o eficiente atendimento na prestação dos serviços de transporte sobre trilhos e os cortes que o Executivo promoveu na dotação dos recursos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.