Secretário responderá sobre acidentes no Metrô

27/11/2012

Nesta quarta (28)

O secretário de transportes metropolitanos, Jurandir Fernandes, e o presidente da Companhia do Metropolitano de São Paulo (Metrô), Peter Berkely Bardram Walker, participam de reunião conjunta da Comissão de Infraestrutura e da Comissão de Transportes, nesta quarta-feira (28/11), às 14h30, na Assembleia Legislativa.

A finalidade de prestar informações e esclarecimentos sobre a gestão, operação e administração, e discorrer a respeito de acidentes envolvendo trens da Linha 3 Vermelha do Metrô, e com trabalhadores em obras da companhia e também o processo licitatório da extensão da Linha 5 Lilás.

Bancada do PT pediu informações sobre procedimentos de segurança

Após o acidente nas obras da futura Estação Eucaliptos, na Linha 5-Lilás do Metrô, em 22 de junho último, que vitimou fatalmente dois operários. O líder da Bancada do PT na Assembleia Legislativa, deputado Alencar Santana Braga, enviou requerimento ao secretário de Transportes Metropolitanos, Jurandir Fernandes, no qual solicitou informações sobre a contratação da empresa responsável pelas obras da Linha 5-Lilás e sobre os procedimentos de segurança adotados, bem como sobre a fiscalização que o Metrô realiza com relação às empresas contratadas.

Infelizmente, esse não foi o primeiro acidente que fez vítimas em obras do Metrô. Em outubro de 2006, um funcionário que estava a 25 metros de profundidade dentro de um túnel na estação Oscar Freire morreu soterrado. Em janeiro de 2007, uma cratera aberta nas obras da estação Pinheiros matou sete pessoas e, em fevereiro de 2011, um engenheiro foi eletrocutado na Fradique Coutinho.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.