Serra impede CPIs na Assembléia que investiguem seu governo

25/02/2008 18:24:00

CPIs

Crédito:

 

 

 

A Bancada do PT na Assembléia Legislativa de São Paulo, realizará na quarta- feira, dia 27 de fevereiro,  a partir das 13 horas, ato de protesto contra a operação abafa do governo José Serra.

Desde o início desta Legislatura várias denúncias de corrupção e irregularidades na administração do governo Serra foram noticiadas pela imprensa e as investigações  barradas na Assembléia Legislativa de São Paulo.

Questões como a recente denúncia de fraude de licitações no Metrô, provocou um desvio de R$ 1,8 milhão em três lictações, além da corrupção policial com envolvimento nos os caça – níqueis e em grupos de extermínios, descontrole dos cartões de despesas (corporativos), consumiram R$ 108 milhões e patrocinou até gastos com casas noturnas, pedágios exorbitantes, estes e outros temas têm sido obstruídos pela base do governo Serra no Legislativo paulista.    

Outro caso emblemático é a CDHU alvo de inúmeras denúncias de fraude e corrupção, envolvendo inclusive o líder do governo na Assembléia. Esta foi a única que a oposição conseguiu obter o número de assinaturas regimentais. Atualmente cerca de 10 pedidos  não foram protocolados por falta de adesão dos partidos de sustentação do governo do Estado. 

O regimento interno da Assembléia exige 32 assinaturas para o protocolo de pedido CPI. O PT, com a participação do PSOL e um deputado do PV , conseguiu 23 assinaturas. Mas, segundo informações, o governo Serra de maneira velada impõe ameaças a sua base de sustentação para que não assinem os pedidos de CPI da oposição.

Na avaliação do líder do PT, deputado Simão Pedro, o governador José Serra amordaça o Legislativo paulista e contém o papel de fiscalização do Executivo através do medo de retaliação.    

O ato de protesto promovido pela Bancada do PT, em parceria com os movimentos sociais ,vai denunciar a falta de transparência na sua administração tucana e a opressão sobre o Poder Legislativo.  

Casos que precisam ser investigados

CPI da CDHU- Rombo de R$ 2 bilhões  na administração tucana -única que PT obteve assinatura para protocolar. Pedido foi engavetado.

 

 

CPI Máfia caça níqueis–  PSDB não combate corrupção policial

CPI Estatísticas criminais–   governo tucano omite dados da violência no Estado.

CPI Baixo desempenho escolar – Progressão continuada derruba qualidade da educação em São Paulo.

CPI Cartões corporativos – Governo Serra gastou R$ 108 milhões e patrocinou gastos com casas noturnas

CPI Ongs no governo Alckmin – 60 contratos sem licitação e prejuízo de R$ 80 milhões. 

CPI das Rodovias  – privatizações tucanas geram os pedágios mais caros do país. 

CPI dos Imóveis do Estado- São Paulo tem 30 mil imóveis abandonados pelo governo tucano.

CPI do Ipesp- Onde está o dinheiro sacado da folha de pagamento do funcionalismo ?

CPI da Fraude na licitação do Metrô- Superfaturamento e desvio de R$ 1, 8 milhão em três licitações realizadas pela empresa.

   

 

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.