PM VIOLENTA MORADORES DA PERIFERIA DA PRAIA GRANDE
PM VIOLENTA MORADORES DA PERIFERIA DA PRAIA GRANDE

Moradores da comunidade do Balneário Maxland, bairro de Praia Grande, no litoral sul de São Paulo, denunciam que foram violentamente atacados pela Polícia Militar nesta terça-feira, 17/05, com socos, pontapés, golpes com cassetetes e torturas aplicadas, inclusive, contra mulheres e idosos.
Ainda de acordo com informações das lideranças, esta não é primeira vez que os moradores das casas de palafitas, sofrem ataques de policiais militares, sendo que nesta terça-feria, a invasão da PM deixou cerca de 230 famílias sitiadas e aterrorizadas com a violência policial.
Nós, deputadas e deputados estaduais do Partido dos Trabalhadores, condenamos o desvio de comportamento dos policiais envolvidos na violência contra a comunidade, que fazem mau uso da força do Estado numa flagrante ação de criminalização da pobreza.
A bancada estadual do PT acionará as autoridades responsáveis pela execução da política de segurança pública promovida pelo governador Rodrigo Garcia.

Deputada estadual Márcia Lia
Líder da bancada do PT na Assembleia Legislativa de São Paulo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.