ATO CELEBRA DIA NACIONAL DAS TRADIÇÕES DE RAÍZES AFRICANAS
ATO CELEBRA DIA NACIONAL DAS TRADIÇÕES DE RAÍZES AFRICANAS

O Dia Nacional das Tradições de Raízes de Matrizes Africanas e Nações do Candomblé foi comemorado  na Assembleia Legislativa de São Paulo, nesta quarta-feira, 20/3, em ato solene coordenado pelo deputado Maurici.

Representantes de casas e terreiros de matriz africana, instituições e membro da sociedade civil para participaram do evento comemorativo e da apresentação da carta com as principais questões que implicam o pleno exercício e manifestação das religiões de origem africana, que serão objeto de futuro projeto de lei.

A mesa de trabalho foi composta por Baba Jimi, Tania de Oyá, Pai Valmir, Elias, Secretário de Combate ao Racismo do PT, e pela deputada Leci Brandão (PcdoB). Maurici destacou que a data comemorativa foi criada por meio de lei de autoria do deputado federal Vicentinho (PT/SP), que instituiu o 21 de março como Dia Nacional das Tradições de Raízes de Matrizes Africanas e Nações do Candomblé.

“Foi uma iniciativa muito feliz porque uma das coisas importantes a serem feitas são ações afirmativas como esta, que têm o condão de diluir na sociedade brasileira o preconceito e a reação que a classe dominante tem conta a diversidade e os diferentes. É uma ação importante para a construção de uma ideologia da diversidade, resgatando a importância que as tradições de matrizes africanas têm na formação cultural do povo brasileiro”, afirmou o parlamentar.

O 21 de março celebra também o Dia Internacional de Combate à Discriminação Racial, data instituída pela Organização das Nações Unidas (ONU) para lembrar o Massacre de Sharpeville, que ocorreu na África do Sul em 1966. O propósito dessa comemoração é reconhecer a batalha e as conquistas de direitos sociais para a população negra em todo o mundo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *