BANCADA DO PT DIZ QUE PROJETO DE DISTRITOS TURÍSTICOS É MARKETING VAZIO
BANCADA DO PT DIZ QUE PROJETO DE DISTRITOS TURÍSTICOS É MARKETING VAZIO

O plenário da Assembleia Legislativa aprovou nesta terça-feira, 1/6, projeto de lei apresentado pelo governo do Estado que trata da criação de distritos turísticos e da instituição da logomarca “SP Pra Todos” como marca oficial do turismo do Estado de São Paulo, o PL 723/2020.

A bancada petista apresentou substitutivo que incluía mudanças no teor do projeto. A líder do PT, deputada Professora Bebel, se disse decepcionada frente à total ausência de diálogo. “Está cada vez pior. Neta Casa, tudo é oito ou oitenta. Ou se aprova o que o governo manda ou nada de conversa.

Ela disse que saiu da reunião com o secretário do Turismo, na semana passada, com a impressão de que o líder do governo incorporaria sugestões dos parlamentares, porém isso não ocorreu. “Audiência em que só se pode fazer perguntas ao secretário não é audiência pública, é sabatina”, criticou a líder.

O deputado Emídio de Souza avalia que o projeto do governo é uma coisa totalmente vazia. Não há um plano de desenvolvimento do turismo para o Estado de São Paulo. “Apenas anuncia idéias vagas e, ao fim, pede autorização para fazer a propaganda, que é que de fato interessa. É mais uma forma de o governo se utilizar de recursos públicos para propagar um slogan que diz respeito somente a ele mesmo.”

Emídio acrescentou que a bancada do PT é a favor da criação de uma política para o turismo do Estado de São Paulo, entretanto, avalia que o projeto do governo está muito longe de oferecer isso. “São enunciados vazios para fazer de conta que se trata de um plano de turismo”, concluiu.

A proposta do governo trata da criação de distritos turísticos como áreas especificamente demarcadas do território para a instalação de empreendimentos relacionados com a cadeia produtiva turística, através de investimentos da iniciativa pública e privada, que podem ser objeto de incentivos fiscais e creditícios. O projeto também autoriza o governo a utilizar a marca SP PRA TODOS nas ações desenvolvidas no âmbito do projeto.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *