CARTA ABERTA AO POVO DE SÃO PAULO
CARTA ABERTA AO POVO DE SÃO PAULO

Tomado pela fúria da cultura do ódio, o deputado estadual Frederico d’Avila, do PSL, no dia 14 de outubro, subiu à tribuna da Assembleia Legislativa de São Paulo para desferir ofensas, xingamentos e acusações da maior gravidade contra o Papa Francisco, a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) e o arcebispo do Santuário de Aparecida, Dom Orlando Brandes.

É inadmissível este tipo de postura e o ato do parlamentar, que agrediu as lideranças religiosas e toda a comunidade católica, seus fiéis, aos que se conectam pela fé, consideração e respeito ao Santo Padre e à Igreja Católica do povo de Deus.

Desde o processo eleitoral de 2018, a sociedade brasileira tem vivido entre sobressaltos e transtornos provocados pelas agressões e sucessivas ofensas, calúnias, difamação e intolerância, que têm por objetivo intimidar e deslegitimar valores, crenças, princípios e pilares da nossa democracia e bem-estar social.

Diante dessa atitude que extrapola todas as fronteiras de civilidade e respeito, além do dano ao bem comum e difuso, se faz imprescindível a devida responsabilização do deputado Frederico d’Avila pela acidez das injúrias carregadas em suas palavras, que denotam cristalina quebra de decorro parlamentar.

A bancada das deputadas e dos deputados do Partido dos Trabalhadores na Assembleia Legislativa de São Paulo, nesta carta aberta, conclama o povo paulista de fé, ou que comunga de valores solidários e humanitários, a manifestar total repúdio ao deputado estadual Frederico d’Avila e, por outro lado, expressar solidariedade e irrestrito apoio ao Santo Padre, papa Francisco, ao arcebispo Dom Orlando Brandes e à CNBB.

Seguiremos lado a lado na defesa e na jornada em prol de um país fraterno, solidário e justo, onde prevaleça o Estado Democrático de Direito.

Bancada das deputadas e dos deputados estaduais de São Paulo do Partido dos Trabalhadores

3 Comments

  1. ANDREA CRISTINA FERREIRA REBELLO COLOGNESI
    18/10/2021 at 17:07

    Cancordo Absolutamente!
    Não sou católica, mas sou humanista! Vamos banir esse tipo de intervenção, e seus autores, de todas as casas legislativas do país!

  2. SONIA MARIA APARECIDA SALVADOR
    18/10/2021 at 19:09

    Repudio as falas do ignorante deputado Frederico D’Ávila.
    Fora todos que tenham esse tipo de atuação.

  3. Maria Teresinha Cirilo dos Santos
    19/10/2021 at 08:13

    Espero que este deputado seja impedido de estar na ALESP, se ele quer defender, que o faça com uso da razão e não com falta de EDUCAÇÃO, se o presidente eleito não têm Cultura, que tenha RESPEITO, sou Candomblezeira e REPUDIO todo tipo de discriminação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *