Enio Tatto: agressão à Professora Bebel foi estúpida e covarde
Enio Tatto: agressão à Professora Bebel foi estúpida e covarde

A agressão estúpida e covarde por parte de um dos seguranças da Secretaria da Educação de São Paulo à deputada Professora Bebel, no dia de hoje, 18/11, mereceu total repúdio do deputado Enio Tatto.

“Esta atitude é característica do governo Doria, que não dialoga, desrespeita e agride uma pessoa que representa os trabalhadores e as trabalhadoras da educação”, escreveu Enio Tatto na moção que protocolou nesta quinta-feira, na Assembleia Legislativa.

Para o deputado, é imprescindível e urgente a responsabilização do segurança do prédio da Secretaria de Educação, mas também daqueles que ordenaram a agressão à deputada e presidente da Apeoesp, Professora Bebel.

Leia a íntegra da moção.

MOÇÃO Nº                  , DE 2021

A agressão estupida e covarde por parte de um dos seguranças da Secretaria de Estado da Educação de São Paulo à deputada Professora Bebel, no dia de hoje (18/11/2021), no momento em que entrava nas dependências do prédio localizado na Praça da República no centro da Capital.

Esta atitude é característica do governo Doria, que não dialoga, desrespeita e agride uma pessoa que representa os trabalhadores e as trabalhadoras da educação. A deputada Professora Bebel é presidente da Apeoesp e uma parlamentar ativa eleita pelo povo paulista.

Este deputado além de repudiar a agressão, entende que se faz imprescindível e urgente a devida responsabilização do segurança pela ação e de seus superiores que assim ordenaram. Não podemos aceitar que mulheres continuem sendo ofendidas e menos ainda dentro de órgãos públicos sob a responsabilidade do Estado de São Paulo. Isso é uma vergonha!

Essa marca do governo Dória o aproxima muito do presidente Bolsonaro, pois ambos não dialogam com os representantes do povo e têm atitude de ódio, como a agressão a nossa líder.

Desta forma, diante da agressão sofrida pela Deputada Professora Bebel, formulamos a presente MOÇÃO

“A ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DO ESTADO DE SÃO PAULO manifesta veemente repúdio ao ato praticado pelo segurança da Secretaria de Estado da Educação de São Paulo à Deputada professora Bebel, em favor de quem manifestamos nosso total respeito e nossa total solidariedade, declarando que atitudes de ódios, desrespeito e agressão devem ser punidos e, por oportuno, requer que cópias da presente Moção sejam encaminhadas ao Secretário de Estado da Educação, Rossieli Soares, e ao Senhor Governador João Dória”.

Sala das Sessões, em

Deputado Enio Tatto

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *