Audiência pública sobre Linha-5 precisa ser discutida
Audiência pública sobre Linha-5 precisa ser discutida

Petistas travam pauta até que audiência pública sobre Linha-5 seja discutida

Mais uma vez a Comissão de Transportes e Comunicações da Assembleia Legislativa tem seus trabalhos truncados por ação direta da base do governo. Desde o início dos trabalhos legislativos de 2021, a apreciação de requerimento do deputado Enio Tatto (PT), que propõe realização de audiência pública para discutir a expansão da Linha 5 Lilás do Metrô e a duplicação da Estrada M’Boi Mirim até o Jardim São Luiz, no extremo sul da cidade de São Paulo, tem sido obstruída pelos deputados dos partidos governistas.

Após cobranças e protestos de Enio Tatto, na semana passada, houve sinalização de que, na reunião da Comissão de Transportes marcada para a última segunda-feira, 7/6, a proposta poderia ser deliberada. No entanto, isso não aconteceu, e o requerimento foi novamente barrado pelos apoiadores do governador Doria.

Em reação, o deputado Maurici (PT) requereu vistas de todos os itens que constavam da pauta, na CTC. Aí foi a vez da base governista protestar, apelando para que houvesse deliberação de temas que afetam moradores das regiões de Piracicaba e de Mogi das Cruzes. Enio Tatto respondeu aos deputados governista, afirmando que todos os seis itens da pauta tinham pertinência e que votará favorável às pautas de interesse da população.

Na avaliação do deputado é preciso construir um acordo para a deliberação das iniciativas de todos os deputados. “O que não aceitamos é a deliberação apenas das propostas dos governistas”, destacou Enio Tatto.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *