CENA POLÍTICA – QUARTA-FEIRA, DIA 17 DE ABRIL DE 2019
CENA POLÍTICA – QUARTA-FEIRA, DIA 17 DE ABRIL DE 2019

BETH SAHÃO VAI PRESIDIR COMISSÃO DIREITOS HUMANOS

Mais seis comissões permanentes da Assembleia Paulista escolheram nesta quarta-feira, 17/6, seus respectivos presidentes e vice-presidentes. A deputada Beth Sahão foi eleita para presidir a Comissão de Direitos Humanos. Segundo ela, seu propósito é levar adiante o trabalho de apuração das violações dos direitos humanos, especialmente contra setores específicos, como a LGBTI, mulheres vítimas de violência, crianças e adolescentes. Beth mencionou o combate ao feminicídio e ao trabalho escravo e conclamou todos os parlamentares a assumirem a responsabilidade pela proteção da dignidade humana. A deputada Márcia Lia também integra essa comissão.

 

BANCADA PETISTA NAS COMISSÕES

Outros parlamentares petistas são membros efetivos dessas comissões. Na Comissão de Meio Ambiente, os deputados Luiz Fernando Teixeira e Márcia Lia. Emidio de Souza integra a Comissão de Constituição e Justiça. Beth Sahão e Professora Bebel, a de Ciência, Tecnologia, Inovação e Informação. Paulo Fiorilo e Teonilio Barba, a de Administração Pública e Relação de Trabalho. Na de Transporte e Comunicações, os deputados José Américo e Teonilio Barba.

 

O AUTORITARISMO DO PSDB

A Bancada do PT escalou um assessor para ficar, desde as 8 horas, na porta do plenário e garantir o protocolo da inversão de pauta para obstruir o PL 1/2019, que trata da privatização de seis empresas públicas do Estado. Esta ação dos petistas alcançou sucesso na obstrução e o projeto não avançou nas discussões. Mas, o presidente da Assembleia Legislativa determinou que o plenário permanecesse fechado, e o acesso ao local do protocolo só foi autorizado às 14h. Os petistas denunciaram mais este rompante autoritário do PSDB e reafirmam que vão fazer valer o seu papel de defender o interesse do povo paulista.

http://bit.do/ePQaY

 

DEBATE PÚBLICO

O líder do PT, Teonilio Barba, cobrou dos deputados da base governista que subam à tribuna para defender a proposta de Doria de privatização das seis empresas, Sob o argumento de que estas são um peso para o Estado. “Vamos fazer o debate público”, desafiou. O parlamentar disse que pelo menos quatro dessas empresas, se transferidas ao setor privatizado, vão ser contratadas a prestar serviços ao Estado, porém pagando salários muito superiores aos que são percebidos pelos atuais funcionários. Barba já havia destacado que o corpo técnico destas empresas públicas é especializado e recebe salários módicos, cuja média não ultrapassa 5 mil reais.

 

PROJETO INCONSTITUCIONAL

O deputado Emidio de Souza pediu à Presidência da Casa o arquivamento do PLC 31/19, que prevê a extinção da Ouvidoria das polícias de São Paulo. O deputado  destacou o artigo 24 da Constituição Estadual, que diz não caber aos deputados criar ou extinguir órgãos do Estado, prerrogativa exclusiva do governador do Estado. O PLC é inconstitucional e está fora da realidade vivida em São Paulo.

 

DIA NACIONAL DA REFORMA AGRÁRIA

No Dia Nacional em Defesa da Reforma Agrária, o MST realizou atos em todo o país para denunciar desapropriações de famílias já assentadas há anos. A data marca os 23 anos do Massacre de Eldorado dos Carajás. Em São Paulo, o ato aconteceu na superintendência do INCRA, onde dirigentes do MST reuniram-se. A deputada Márcia Lia representou a bancada do PT, junto com deputado Doutor Jorge do Carmo. Ambos levaram solidariedade aos trabalhadores rurais sem terra e renovaram o compromisso de manterem-se juntos na luta pela reforma agrária.

http://bit.do/ePQUE

 

FEIRA DA REFORMA AGRÁRIA

Outro ato do MST foi promovido nesta quarta-feira para protestar contra o impedimento imposto pelo governador João Doria da realização da Feira da Reforma Agrária no Parque da Água Branca. Os deputados Professora Bebel e Paulo Fiorilo participaram da manifestação. Fiorilo disse que a bancada petista está empenhada para que o evento aconteça. A feira já está na quarta edição. Em 2018, recebeu mais de 260 mil visitantes.

http://bit.do/ePQV7 

http://bit.do/ePQWT

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *